SmartLiving 10100L/10100LG3

Central anti-intrusão de 10 a 100 terminais, 15 áreas, alimentador de 5A

SmartLiving10100L: central anti-intrusão de 10 a 100 terminais, 15 áreas, alimentador de 5A, conectividade TCP/IP e GSM/GPRS internas opcionais.

SmartLiving10100L/G3: central anti-intrusão de 10 a 100 terminais, 15 áreas, alimentador de 5A, conectividade TCP/IP e GSM/GPRS internas opcionais. Certificada EN50131-6 grau 3.

O coração do sistema SmartLiving é a central. Esta é proposta em 5 versões, todas em um contentor metálico. As versões SmartLiving505, SmartLiving515 e SmartLiving1050 possuem um contentor metálico capaz de alojar uma bateria de 7Ah enquanto as SmartLiving1050L e SmartLiving10100L têm um contentor metálico maior capaz de alojar até 2 baterias de 17Ah. O limiar aplicativo do sistema SmartLiving é extremamente amplo. Na verdade parte-se de poucos terminais, cinco, com o modelo “505” para chegar aos cem terminais da “10100”. Os cinco modelos da central são certificados EN50131-3 com o grau 3 e EN50131-6 com o grau 2. Existem três modelos (“G3”) que têm o grau 3 também para a certificação EN50131-6.

Os modelos de Central

O coração do sistema SmartLiving é a central. Esta é proposta em 5 versões, todas em um contentor metálico. As versões SmartLiving505, SmartLiving515 e SmartLiving1050 têm um contentor metálico capaz de alojar uma bateria de 7Ah enquanto as SmartLiving1050L e SmartLiving10100L possuem um contentor metálico maior, capaz de alojar até 2 baterias de 17Ah. O limiar aplicativo do sistema SmartLiving é extremamente amplo. Na verdade parte-se de poucos terminais, cinco, com o modelo «505» para chegar aos cem terminais da «10100». Os cinco modelos da central são certificados EN50131-3 com o grau 3 e EN50131-6 com o grau 2. Existem três modelos («G3») que têm o grau 3 também para a certificação EN50131-6.


As novas tecnologias e o bus

Muito interessante é o uso do novo conceito de terminais colocado à disposição da tecnologia FlexIO. Com tal conceito supera-se a abordagem estática de entradas e saídas e oferece-se ao instalador uma instalação mais fácil e uma racionalização do armazém de materiais. A simplificação e racionalização da interface com o instalador e com o utilizador é obtida através da aplicação da tecnologia Easy4U.

Nesse âmbito deve-se sublinhar o conceito inovador de «macro» que permite o uso imediato do sistema pelo utilizador e simplifica a programação e a explicação do seu funcionamento ao instalador.

A coluna vertebral do sistema é um bus de comunicação de nova geração, o I-BUS. O I-BUS permite obter as melhores velocidades de transmissão do segmento com excelentes capacidades. Tal desempenho foi usado para permitir a gestão de topologias também complexas, para oferecer tempos de resposta do sistema insensíveis aos número de periféricos e para permitir o transporte da voz de um ponto ao outro da instalação sem cabos adicionais.

Deste modo nasce um bus de última geração, a tecnologia VoIB para a transmissão no bus da voz. Em torno do I-BUS o sistema SmartLiving pode crescer de forma modular conforme as exigências da instalação. No bus podem ser conectados leitores de proximidade, teclados com ecrã gráfico, expansões de entrada/saída e transcetores via rádio e sirenes. As centrais SmartLiving podem adquirir automaticamente os periféricos presentes no bus para facilitar adicionalmente as operações de configuração do sistema. O bus pode ser protegido, seccionado e regenerado por meio dos isoladores/regeneradores de bus IB100.


Funções, características e opções de sistema

A bordo da central é possível adicionar a opção vocal SmartLogos30M. Esta opção, graças à tecnologia VoIB, oferece um conjunto de funções vocais mais amplo e potente fazendo do sistema SmartLiving um verdadeiro ponto de referência no sector. O coração do sistema é a matriz que permite associar as ações aos eventos ocorridos e reconhecidos pelo sistema. A cada evento reconhecido pelo sistema é possível associar ações sobre as saídas, ações no avisador vocal, ações no avisador digital. A autenticação para o acesso ao sistema é garantida por um amplo conjunto de códigos e tags ou cartões de proximidade. A cada um deles estão associados direitos de acesso às áreas ou às funções.

Além disso os temporizadores semanais disponíveis são também associáveis a códigos, cartões e tags de modo a limitar o acesso em determinadas faixas horárias. O sistema pode ser pensado como sistema ‘híbrido’ pois é capaz de gerir periféricos cablados e periféricos sem fios da série Air2. Desse modo SmartLiving integra funções via rádio de última geração usufruindo das potencialidades da comunicação bidirecional de Air2. A conectividade do sistema SmartLiving é, com certeza, de excelência. O sistema oferece um avisador telefónico vocal completo e é já programado em fábrica. Do mesmo modo o comunicador digital para as centrais de vigilância está já programado em fábrica para satisfazer as exigências normais das estações de receção.

Para oferecer ao sistema um canal de comunicação alternativo é possível utilizar o dispositivo para redes GSM Nexus que, além de fornecer a comunicação vocal e digital na rede GSM, permite receber SMS de comando e de enviar SMS programáveis quando ocorrem eventos na central. Quando depois de utilizam as opções SmartLAN/SI ou SmartLAN/G obtemos o máximo da conectividade que um sistema anti-intrusão podem oferecer hoje. Estas opções disponibilizam a conectividade TCP/IP. Desse modo o sistema SmartLiving é capaz de enviar e-mails com anexos, permitindo a programação da central através da rede internet e, além disso, é capaz de funcionar como servidor Internet. Esta última função permite ao utilizador final ou ao instalador de conectar-se à central a partir de qualquer PC conectado à internet para verificar o estado do sistema e interagir com ele. O servidor Internet integrado em SmartLAN/G permite também usar o seu smartphone como um teclado sem fios do sistema SmartLiving, quer no interior da habitação com o sistema WiFi, quer a partir de qualquer ponto do globo com a conexão GPRS.

A programação da central pode ser realizada por meio do teclado no ecrã ou por meio de PC usando o software SmartLeague. A programação com teclado é simplificada pela possibilidade de usar a programação de fábrica que elimina completamente a necessidade de configurar os vários parâmetros dos avisadores acústicos telefónicos vocais e digitais. Além disso a programação dos parâmetros com teclado é intuitiva com uma visualização detalhada e explícita e pelo uso de símbolos gráficos. A programação com PC usa extensivamente funções de copiar/colar e arrastar/libertar para a configuração do sistema reduzindo ao mínimo o esforço de programação. O software SmartLeague graças às funções de text-to-speech (de escrito a falado) ajuda o instalador também no registo das mensagens vocais transformando as sequências de caracteres escritas pelo instalador em mensagens áudio registadas na central.

A velocidade de comunicação da porta RS232 permite a programação no local em poucos segundos.

Produtos Associados

SmartLiving 1050L/1050LG3

SmartLiving 1050/1050G3

SmartLiving 505

SmartLiving 515